Logo

  1. Portada
  2. Blogs
  3. Blog de Márcio Santos
  4. Abril, muito quente em Portugal Continental
Lunes, 10 Mayo 2021 18:11

Abril, muito quente em Portugal Continental

Escrito por

Abril foi muito quente e com valores normais de precipitação em Portugal

As temperaturas médias em abril de 2021 variaram consideravelmente em toda a Europa. Verificaram-se valores inferiores ao valor médio em grande parte dos países, no entanto no extremo leste do continente e na parte oeste da Península Ibérica o mês de abril foi mais quente que o normal.

Em relação à precipitação o mês foi mais seco do que a média na parte oeste e sudeste do continente europeu, enquanto na maior parte da Europa Oriental e em partes da Península Ibérica verificaram-se condições mais húmidas do que a média.

Desta forma o mês de abril, em Portugal continental, classificou-se como muito quente em relação à temperatura e normal em relação à precipitação.

Temperatura

O valor médio de temperatura média do ar, 15.01 °C, foi 1.85 °C superior ao valor normal 1971-2000 Valores de temperatura média do ar superiores aos agora registados ocorreram em 15 % dos anos desde 1931.

O valor médio de temperatura mínima do ar, 9.76 °C, foi o 10º mais alto desde 1931 (mais alto em 1945: 11.18 °C), com uma anomalia de +1.63 °C.
O valor médio de temperatura máxima do ar, 20.25 °C, também foi superior ao valor normal, +2.07 °C e foi o 5º mais alto desde 2000 (mais alto em 2017: 23.27 °C).

Os valores médios de temperatura média do ar foram superiores à normal 1971-2000 em todo o território. Destacam-se os valores de temperatura máxima do ar com desvios superiores a +2.5 °C nalguns locais do litoral Norte e Centro e no interior da região Sul; e os valores de temperatura mínima também superiores a +2.5 °C em muito locais do Norte e Centro e no litoral Sul. A temperatura média do ar variou entre +8.0 °C em Penhas Douradas e 17.6 °C em Castro Marim e os desvios em relação à normal variaram entre + 1.5 °C em Bragança e + 3.4 °C em Anadia. Os desvios da temperatura mínima do ar variaram entre 1.0 °C em Bragança e +3.4 °C em Anadia; os desvios da temperatura máxima do ar variaram entre +0.4 °C em V. R. Sto. António e +3.4 °C em Anadia.

Precipitação

Quanto à precipitação o valor médio em abril, 82.5 mm, foi muito próximo do valor normal 1971-2000 e corresponde a 105 %, verificando-se contrastes importantes na distribuição espacial. Em geral, nas regiões do Norte e Centro os valores de precipitação foram superiores ao normal e no Sul foram inferiores; em particular, no Algarve a percentagem de precipitação foi inferior a 50% do valor médio. 

Boletim climatológico IPMA

Durante o mês ocorreram aguaceiros, por vezes, de granizo e acompanhados de trovoada por todo o território, sendo localmente fortes nos períodos 8-10, 13-16 e 23-28, este último período foi devido à depressão LOLA.

O maior valor mensal da quantidade de precipitação em abril foi registado na estação meteorológica de V. Nova de Cerveira, 184.9 mm, e o menor valor na estação meteorológica de Praia da Rocha, 8.2 mm. Em termos de distribuição espacial, os valores de precipitação foram superiores ao normal em grande parte das regiões do Norte e Centro exceto em alguns locais dos distritos de Braga, Porto e Vila Real; e foram inferiores ao normal em grande parte da região Sul, em particular no Algarve com valores inferiores a 50% em relação ao valor médio. Os valores de percentagem de precipitação em abril, em relação ao valor médio, variaram entre 21 % em Praia da Rocha e 212 % em Castelo Branco.

Seca

De acordo com o índice PDSI no final de abril verificou-se um aumento da área e da intensidade da seca meteorológica na região Sul, sendo de realçar a região do Algarve em seca moderada.

Boletim Climatológico IPMA


A distribuição percentual por classes do índice PDSI no território é a seguinte: 5.8 % chuva fraca, 74.7 % normal, 11.9 % seca fraca e 7.6% seca moderada.

Fonte: IPMA

Si te gusta Meteovigo valora nuestro trabajo dejando una reseña en Google: ->> Valorar Meteovigo
Actualizado: Lunes, 10 Mayo 2021 18:41
Márcio Santos

Márcio Santos, nascido em Chaves a 21 de Abril de 1985. Meteorologista amador, autodidata e comunicador, desde sempre apaixonado por fenómenos extremos, astronomia, vulcanismo e natureza. Criador da maior comunidade online dedicada à meteorologia em Portugal, o Meteo Trás-os-Montes, presente no Facebook, Instagram e Twitter.

SOBRE NOSOTROS

Meteovigo nace en el año 2009 para ofrecer información meteorológica de acceso libre y de la forma más didáctica y amena posible. Nuestra pasión por la meteorología la queremos transmitir a toda la población independientemente de su nivel de conocimiento.

Las oficinas de Meteovigo se encuentran en la Avenida Florida nº 53, oficina 2, 36390, Vigo, Pontevedra, España. 

Más información sobre nosotros